Páginas

21 de fev de 2013

Tudo doido de repente

Tem dias que o dia tenta engolir a gente
tem momentos que a cabeça virada vira de maneira louca
tem dias que a gente tem vontade de ficar louca
uma onda é pouco pra quem tem sede
queremos sempre mais de uma onda
o surfista na crista manda um cutback
e a gente tenta
todo dia a gente tenta algo diferente
tem dias que a gente pensa mais do que deveria
tem dias de buda
tem dias de rock
o zen e o rock
e a cabeça da gente pira em cada surto psicótico
vem!
vem que sempre tem vontade
vem, sugere a loucura que tem sede o suficiente
vem!
que a vida é agora e que o depois evapora
vem!
tempo presente
vem!


Lucille Blues

São acordes de guitarras
são blues selvagens no meio da madrugada
estive pensando em fugir por aí
pegar estrada com a garota mais doce e sumir
pensei em tantas coisas ao longo da noite
acho que as vezes é preciso apenas aventurar-se
sair por aí
feito um cachorro de rua perdido
feito um cachorro selvagem percorrendo o mato
essa garota está me deixando nas nuvens e não tem obrigações que me façam ser racional
nunca fui até então, acho que agora não serei
feito um bicho que sente e não pensa
feito uma criança que se entrega num sorriso
não me venham  com regras ou certezas absolutas
não tem nada certo
é tudo questão de ir e vir
a vida é indas e vindas
é incerteza do começo do choro ao fim doloroso
os acordes do BB King invadem meu corpo
adentrando a mente percorrendo neurônios
estive por aí
e quero que esse doce delicado que segura nas minhas mãos saiba que estive mais feliz quando  surgiu com aquele olhar louco
com aquela vontade de ficar por perto
me apaixonei perdidamente quando colocou o chili
ou quando fez aquela massagem sensacional nas minhas costas na manhã daquele outubro delicioso
ou quando quis ao vê-la dançar tocar em seu corpo proibido naquele instante
mas nada pra mim tem certo e errado
a vida traz e leva
meu sorriso é largo
meu cachorro é preto e 
meu copo de cerveja está gelado
então não me venham com regras, não!
Quem faz as regras sou eu
nos meus pensamentos mirabolantes desenrolo a minha história
e esse doce delicado está dando um duro danado para acompanhar meu lado louco que pode ser lúcido quando estamos juntos.

She

Está em seu jeito de olhar
no modo como faz a comida
no sabor do seu tempero
na maneira que pinta as unhas
e explana seu cheiro de cremes doces
como contorna os olhos com lápis escuro evidenciando ainda mais o escuro dos olhos
o modo como toma conta de mim
seu jeito enciumado falando de outras mulheres
ela é fera na cama
ela é doce na vida
e faz um bem que não se explica
me fez sentir a vida no corpo naquela noite de verão
me satisfaz por inteiro!
sabe como me deixar maluco
sabe como me deixar triste
e são poucos dias mas a intensidade desse encontro é tamanha que engole nossas forças
sinto que com ela posso ser mais do que sou
sinto que com ela a vida pulsa por veias e artérias e tudo está tão bem
mas se algo acontece ao longo dos dias e ela se irrita
pronto, parece que o tempo muda, parece que a vida muda
ela tem um poder de mexer com tudo o que há dentro do meu corpo
principalmente dentro do peito
no modo como pulsa meu coração
no ritmo frequente do meu cérebro 
se a gente briga tudo muda de repente e eu não gosto de ver a vida desse ângulo
ela tem o poder magnético de me aproximar e fazer tudo em volta modificar
ela é assim
ela tem poderes sobre mim
ela é a mulher mais incrível e por mais que eu me defronte com aquele rosto todos os dias e todas as noites encontrarei encanto em cada traçado e curva de seu rosto perfeito
aquela beleza doce
aquela beleza suave
eu amo assim sem mais
desde que surgiu nos meus dias e nas minhas noites me sinto mais forte pra enfrentar o mundo
ela me faz ser mais forte!

9 de fev de 2013

É que sendo sentido tem um pouco de sentido

Pois prefiro ir até o limite do sentir
prefiro sentir tudo 
prefiro doer
sangrar
desabar
mas sempre sentir
sempre sentir
prefiro a vida
que a intensidade seja sentida em cada coisa de vida
tem que ser vivo
tem que estar vivo
deve ser sentido
feito um sentimento qualquer
feito um coração acelerado no peito
peito esse que jamais estará cansado
dolorido, por vezes
mas derrotado, jamais!
Feito um menino que espera um presente na noite de natal
estou te esperando sair do trabalho hoje e te ver é feito ganhar um presente
porque sinto que tua presença nos meus dias é um presente que ganhei da vida
de deus
sei lá
você é feito um embrulho, feito um diamante mas não vale dólar nem reais
vale amor
você trouxe contigo esse sentimento bonito
e eu agradeço aos céus
aos deuses todos
porque estou feito criança com embrulho, só que sem papel
abri o presente com aquela fome de saber o que tinha dentro
abri meu peito pra que chegue bem perto
pra que não se assuste com toda loucura que há dentro
sentir
deve ser sentido
não deve ser pensado
não há razão
não há razão
só há ir, ir em frente
sentir sentir sentir


6 de fev de 2013

Um dia de verão e uma brisa gelada que abre cortina, derruba um quadro mal preso na parede do quarto
as paredes do quarto estão repletas de palavras
meus textos podres
palavras que acumulam idéias
e que transcorrem em textos de poucos pensamentos
na cabeça cabe tanta coisa
e não adianta tentar fazer com que eu veja e encare a vida como todos eles
cada indivíduo repleto de questões

Eu + Tu

Eu, tu e Nina
e nada mais tem que ser agora
e nada mais deve ser evitado
viva!

Eu, tu = nós
essa estrutura básica
necessária como qualquer item básico de sobrevivência

É que quando chega e encontro
me encanta de um modo mágico
diferente de tudo o que já tinha acontecido
diferente
ela é diferente em tudo
em cada jeito e trejeito e é tudo novo

Ela cozinha e eu coloco o samba
ela bebe e fala e me olha de repente com outros olhos
olhos que entregam tudo o que há dentro

Eu+Tu=Nós!

Um mergulho no mar
um chopp gelado no bar
um show no circo
noite quente de domingo
verão,
rio de janeiro que derrete

Tudo é tão mais engraçado
minha risadas e gargalhadas são de troca
vem dessa cumplicidade construida com sentimento e sentimentalidade

É de troca
de amor
união

E viva a música do amor
e viva esse filme louco que causou temor


5 de fev de 2013

como tudo deve ser

O direito de ir e vir
a liberdade em ser
feito dois bichos por horas de amor
navegando mares até então criticados
não!
mente que relaxa, de tão dormente voa para lugares em quais lugares de um futuro?
o presente engolido pelo vento na manhã de mais uns dias
nas noites de insonia navegar nas águas do mar
trôpego parar de analisar erros e acerto
e viver por mais veloz e intenso que for o momento já
esse agora que é doce e colorido
esse suave sopro de janeiro chuvoso
feito uma tempestade
feito um temporal
trôpegos, nós dois


4 de fev de 2013

Snow

Mente viaja na música que toca
por aí
ele disse que iria navegar por aí
bar em bar
cervejas aos montes
cerveja, um monte!

Menina de biquini fazendo a festa na piscina da casa
ela era tão bela que dava frio no peito
ela me deixava muito feliz quando estava feliz e
mexia comigo quando cuspia sua ira por aí
estava sempre circulando
sempre por aí
meio aérea
as vezes tão séria
cinco minutos
o tempo que ela pediu
o tempero precioso para a carne de fim de tarde

cabeças que rola e serão cortadas na metade do jogo
como pago minhas contas?
preciso correr atrás dos tempos de atrás
lançando currículos e disparando cartas na busca de um lugar
apenas tentando
apenas por aí, tentando.

Vivo

A leveza que se instala no meio do peito
mulheres circulando pelo caminho
lindas
todas encantando com jeitos e trejeitos que ludibriam os dias e as horas
"santa maria" já não é mais tão falado
jornais enchendo cabeças com noticiários sangrentos
pessoas sensacionalistas, egocêntricas que não mudam nada
o mundo muda apenas com poesia, amor e música
Há vida em tudo
todo o espaço em volta, vivo
e no meio, pulmões impregnados pela fumaça corrosiva que resseca gargantas
estou hoje mais quieto
mais calmo
sossegado
querendo apreciar belezas, sem desespero
sem dor
hoje é mais bonito que ontem
amanhá será melhor que hoje, tempo de agora
mas já está bom, não há do que reclamar
momentos de ira escassos no instante já
só fica a paz no peito
tranquilo, relaxa
veias circulam no resto do corpo
mente dormente que apenas relaxa com palavras
vivo!
estou hoje mais vivo que ontem
espero estar vivo em toda a vida
preciso de ar
de água do mar
de sal no dia de iemanjá
mergulhos curam feridas e relaxa a alma
mulher deitada no braço na rede simplificando coisas

1 de fev de 2013

É amor

Essa presença que adoça os dias
suaviza horas
escancara sorrisos
aumenta o volume de gargalhadas
leve, feito pluma leve
que de tão leve fico feito pena
o amor chegou trazendo paz aos dias e as horas
suavizando meu peito
acelerando meus batimentos
chamas de fogo aquecem todo o corpo
ela surgiu e resolveu ficar aninhado no meu peito
e resolveu que comigo ficaria
e muitos disseram que estava errado o modo como aconteceu
mas é amor
e nada foi capaz de destruir o sentir
sentimento que aumenta em cada instante 
com cada momento compartilhado
é feito de troca
de gestos
com jeito
e repleto de carinho
ternura
seus olhos paralisam os meus
seus toques mexem demais com tudo que há em mim
meu coração gela e aquece com essa presença que de tão sentida é adorada
quiçá mais que amada
é mais que amor
existe alguma palavra que talvez não tenha sido criada mas que significa esse sentimento bonito que tenho no peito e que entrego pra ela
ela foi a minha escolhida
ela é a minha menina
merece cuidados, amor
merece respeito
beijos
abraços 
abro os meus braços
aqueço seu corpo no meu
retribuo cada palavra
cada carinho
já chorei
já senti muito
agora estou em paz
quero que fique aqui comigo até o fim dos dias
que seja eterno
e que dure por tempos e tempos
e se possível por vidas!
Que seja doce feito uma bala melada de açúcar.