Páginas

31 de out de 2013

Emboscada: aMÔr

Com 2 litros de água por dia você se mantém hidratado de maneira correta
com horas de sono
boa alimentação...
mas eis que surge uma obsessiva estampa
cara
face
e deixa todos os seus velhos hábitos de escanteio quando na verdade você só queria brincar de sentir
mas no meio da brincadeirinha sentiu em excesso extremo e hoje não se afasta mais daquela outra face
todos os movimentos
os pensamentos
as ideias são de fato atualmente esquisitas
e por mais que se tente 
não consegue ir em frente e parars de pensar naquilo
naquela
nisso.
O que se estava tentando fazer era tentar pensar mais em si do que na...
não era saudável viver desse jeito estúpido
burro
desumano
e de repente na tentativa, a queda.
E de novo, de novo...aquele mesmo rosto.
Aqueles mesmos gestos tolos, aquela maneira ríspida de falar no meio de uma tarde qualquer
ou em uma madrugada onde o sono não tem vez
são devaneios
desvarios
insanos sentimentos
absurdos
incômodo
na tentativa real de se desvencilhar daquele absurdo
daquela fascinação sem fins lucrativos
apenas aquela velha loucura
aquela insanidade que se atesta em cada ida nova ao médico
estava sofrendo de uma fixação sem fim
e não conseguia por mais que tentasse
libertar-se daquele suave rosto
daquele jeito que por vezes trazia sentimentos ruins
gosto amargo na boca
e era como se em alguns momentos acordasse do sonho e tudo virava pesadelo 
e depois de 5 minutos nesse delírio emocional
tudo estava de volta
toda aquela absoluta certeza do fundo do coração
toda aquela fixação barata naquele rosto não menos barato
e tudo de repente caia de cima de suas entranhas
tudo permitia que fosse assim
a vida estava, diariamente sabotando seus tormentos
sabotando seus momentos
estava sabotando suas convicções com essa porra de rosto impregnado na alma
não existem certezas dessa fixação
ninguém sabe falar a respeito
mas a loucura e o descontrole caminham juntos
juntos com essa aparição barata
com esse rosto que não me deixa em paz
com aqueles trejeitos bobos de menina boba.
Eu estava completamente fixado em tudo o que estava ligado e pertencia a vida dela
e não conseguia encontrar meios plausíveis de encontrar a porta aberta e sair correndo dessa grande emboscada que tinha se metido : AMoR.

Nenhum comentário: