Páginas

12 de nov de 2010

Quente! como a manhã mais quente de um dia de janeiro

Então o ser apaixonado
se tortura e sofre
e gosta disso.
Porque por mais que seja
desgastante e dolorido
te faz sentir vivo
mexem moléculas
sambam os átomos
seu cérebro derrete
você não pensa
sente!
e o que você agora dá ao mundo...?
sorrisos e gargalhadas e lágrimas.
É um desfile de dois seres torturadores
e o que é o amor senão um eterno sofrer
sorrisos enormes quando se lembra dos suspiros na cama
do sussurro e da língua no ouvido
uma boca quando encosta na nuca
arrepio!
lábios macios
calafrios!
Fogo, fogo,fogo.

Nenhum comentário: