Páginas

15 de set de 2009

Só estou brincando
Com fogo
Gente
Sonhos
A vida em forma de brincandeira
Que gera um sorriso
Boas gargalhadas
Como qualquer criança brincando na rua do interior
Na maior inocência, sensibilidade e absorvendo cores e sensações
Sem querer saber das consequencias futuras
De agora
De ontem
Na verdade achando que nada me abala
Que sou a prova de tudo
De amore, dores, balas
Duras!
Percebendo que quanto mais gente surge
Mais fica interessante
Cada um trazendo a diferença
A novidade
Quero promover o Dia do Abraço
Do sorriso
Da gargalhada
E do colorido
Chega de cultuar gente sem conteúdo
Sem idéias e pensamentos interessantes
Nada para somar
Gente gritando a toa
O idólo da gente grita dizendo tudo
E não é isso que tenho visto por aí
Só vejo vultos
Almas pobres de conhechecimento da alma
Só o exterior que importa nos dias atuais
"Vem sem conteúdo mas vem!"

Nenhum comentário: