Páginas

26 de mar de 2016

NOSSA VIDA NA ROÇA

Essa nossa sintonia urgente
esse nosso lance apressado
e agora?
casados!
esse fogo que arde
esse desespero que surge
as brigas tolas
as reconciliações e amores eternos
te amo!
esse crescer junto
e os filhos?
seremos futuros e netos e bisnetos
somos duas forças unidas por quereres
apenas querer estar perto
apenas querer estar junto
apenas estar
todos no inicio disseram que não
não faça isso
não faça aquilo
e como sempre a gente não escuta, 
a gente não ouve
som de gargalhada no fundo da sala
apresento a você a vida, toma
e eu ganho a paz
a doçura
a cadência bonita e profunda
teus beijos e toqueS sentidos lá no fundo, do fundo...do ser!
no âmago
na essência
menina, você me parte em caquinhos
menina, você me deixa tão louca de amor!
e as nossas crises
e o ciúme idiota que por vezes bate na porta
ninguém é de ninguém
mas peraí
eu sou tua e você é minha
tá bom, posse!
somos nós e assim somos
nossa casa reflete o nosso esforço
os cachorros são nossos momentos de paz e loucura
e a suavidade das horas de sono?
as vezes me pego te olhando dormindo e choro,
sabia?
porque é nesse terrível instante que me vejo presa, pregada, completamente entregue a você e aos teus múltiplos encantos
estou hoje mais leve
estou hoje com você e digo que mais e mais feliz com a vida
por mais que existam certos obstáculos em nosso caminho
por mais que as vezes a gente chore e grite e berre
são os carinhos
são as loucuras da paixão
são os minutos de silêncio do amor
eu não sabia em outros tempos que no futuro presente isso tudo seria assim
tão suave
mas me pego pensando que sou agressiva com a vida e ao teu lado
e perto de você apenas uma menina que ama e vive
você me atormenta em partes porque me desdobra
porque mostro-te meu lado humano
QUe antes era mascarado
nossa vida na roça
essa vida crua e real que por todos os lados escancara os tormentos do ser


Nenhum comentário: