Páginas

16 de abr de 2013

Um doce, meigo e selvagem ser

Impregnou cada espaço do cérebro de um homem
mulher
impregnou cada sinapse da mente
mulher
não deixou a cabeça descansar
mulher
entrou em estado constante alerta
mulher
e tudo de repente está ligado aí
mulher
meus olhos mergulhados nos teus
mulher
meu coração acelerado em cada beijo que me dá
mulher
na maneira como pinta as unhas
na maneira como passa o creme no cabelo
no instante em que tira a roupa pra entrar no banho
é demais
cada fração de segundo 
cada minuto do tempo que passa do meu lado
e de sacanagem o tempo resolve passar rápido demais
mulher!
é mágico o jeito que me olha cansada na cama
é hipnótico o modo de mergulhar na minha alma toda vez que chega tocando meu corpo
sinto tuas mãos
sinto teu amor
sinto tua alma mergulhando na minha
sinto eu e tu
e o nós disso tudo
é simplesmente maravilhoso o modo como coloca suas mãos no meu corpo
é encantador o modo que cuida de mim
que corta minhas unhas
mulher

Nenhum comentário: