Páginas

12 de jun de 2009

São diversas possibilidades
E tem dias que estamos mais dispostos e abertos
Que mesmo não existindo
Construimos pontes
Derrubamos paredes
Saimos por aí
E de repente de um olhar surge um desejo
E se esse desejo é correspondido
Pronto!
Seja a minha amante
Durma na minha cama sem culpa
Fique o tempo que quiser
Quero sentir o cheiro da tua pele nos meus lençóis
Sentir de perto tua respiração modificando
Com a vontade
Sussurros ao pé do ouvido
Baixinho
Me dizendo que gosta assim
São toques
Beijos
Você faz com que seja legal
Tua companhia doce
Meu jeito meio "ogra" de ser
Nós
Assim
Desse jeito incerto
Tão simples
Nossos momentos
Essas histórias que tivemos
Temos
E meu celular toca e sei que é você querendo saber onde estou
"Que horas chega? "
Não disperdice o momento já do encontro!
Vá...
Vá...
Até lá
O outro lado da rua
Vá até ela

Nenhum comentário: